Turismo

No turismo Lagoa de Dentro se destacam as comemorações religiosas em honra ao seu padroeiro o mártir São Sebastião (11 a 20 de janeiro), quando famílias se reúnem para as celebrações. Neste período também é notável a participação de muitos turistas oriundos de cidades vizinhas e de Estados do Brasil, por conta da tradicional Festa de São Sebastião (profana) que com o passar dos anos reúne milhares de participantes.

Em seu aspecto profano a festa se destaca como uma das mais tradicionais da região. A partir de 2013 o período festivo passou a ser conhecido como “a festa de todos os ritmos” pelas inovações, com a diversidade de ritmos e estilo musicais que a festa traz, a exemplo do “Palco Cultural” trazendo repentistas, emboladores, poetas e artista da terra, valorizando a cultura popular e local, outra inovação foi a criação do “Palco do Brega” onde já se apresentaram diversos nomes locais e nacionais e no dia de São Sebastião (20 de janeiro) o encerramento das festividades se dá com a apresentação de Bandas Católicas a nível nacional.

Já passaram pelo palco, o Padre Antônio Maria (2013), Banda Cantores de Deus (2014), O Cantor Diego Fernandes (2015) e o missionário Dunga da Canção Nova (2016).

Outra festa que também já se tornou tradição no município é a da Vila Gravatá, que também tem por padroeiro São Sebastião, entre o final do mês de janeiro e início de fevereiro a comunidade se junta para celebrar o novenário em honra ao soldado de Cristo, por fim outra forma de celebrar é a realização da festa social com apresentação artística debandas e a participação de um aglomerado número de pessoas.

No período junino a cidade vem se destacando pela organização de festivais de quadrilhas juninas, competição que chama atenção das maiores e melhores quadrilhas da Paraíba e de outros estados vizinhos, por seu valor cultural e premiação que valoriza o trabalho dos quadrilheiros. Neste período também destacamos o bom e autêntico forró pé de serra, que desde 2013 os cidadãos se voltam para arrastar o pé ao som da sanfona, zabumba e triângulo.

Ainda no turismo religioso podemos lembrar os tapetes de Corpus Christi que são confeccionados por moradores e membros de grupos e pastorais da Paróquia local,as vésperas do dia desta importante celebração católica.

E não poderíamos esquecer o dia 20 de dezembro (20/12/1961), data que nos remete ao patriotismo local, pois neste dia comemora-se a Emancipação Política de Lagoa de Dentro, onde já é de costume um dia cheio de atividades esportivas, civis, religiosa e artística.

Outro destaque que podemos dar em Lagoa de Dentro é a Lagoa “Francisco Soares” a mesma que dá nome ao nosso município e que vem sendo feita a obra de urbanização de suas margens, tornando o local ponto de turismo e lazer.

Por Henrique Florêncio.